Meu testemunho de esposa e cuidadora

 

 

 

                                                                                                                                                                                   A todos dessa querida Comunidade.

3560418753?profile=original

 

 

Meu nome é Sônia, e desde que meu marido foi diagnosticado com ELA tenho vivido a cada dia uma nova experiência. No início de tudo, fiquei muito apreensiva, com medo e ansiosa.

Hoje vejo td isso de uma outra maneira. Consegui controlar meus anseios, e procuro passar ao Jorge uma postura positiva, e um sentimento de esperança e alegria.

Acima de tudo isso, é importante estar firmado na fé em DEUS, pois sem ELE não poderemos chegar aonde queremos, pois é ELE que nos fortalece para seguirmos em frente.

Fiquem na paz de Deus!

Um abraço a tds.

 

Sonia

Para adicionar comentários, você deve ser membro de ComunidadeELA-Brasil.

Join ComunidadeELA-Brasil

Enviar-me um email quando as pessoas responderem –

Respostas

  • Querida Vânia, agradeço a DEUS por ter te encontrado e lê tantas mensagens lindas e consoladoras que vcs nos passam é muito bom e nos dá força para enfrentar essa doença tão terrível, precisamos mesmo dessa força e carinho por vcs dispensadas. Estou indo essa semana levar minha mãe para ser atendida em Salvador na Faculdade Baiana de Medicina, pois moramos no interior da Bahia e aqui pouco atendimento existem para ela, estou apreensiva, nervosa,ansiosa e muito medo, e fico cada vez mais nervosa quando converso com os médicos que atendem a minha mãe, pois eles me tiram toda a esperança e me sinto totalmente inútil , como se nada podemos fazer para amenizar a situação.

    Beijos e que DEUS nos abençoe.

    MIRIAN

    • Olá Mirian Neide.

      Fique tranquila, pois nesse momento o que mais sua mãe precisa é de alguem forte ao lado dela, nem que isso te custe chorar escondida no banheiro...

      Lá em Salvador sua mãe com certeza terá um atendimento de melhor qualidade. Ela já está diagnosticada?

      Tem uma pessoa dessa comunidade que tambem está com o pai em tratamento de ELA em Salvador, cujo nome esqueci...vou tentar lembrar e te apresentar. Nada como ter o apoio e a orientação de alguem + experiente ao nosso lado, não é mesmo?

      Vai dar td certo, acredite e fique tranquila.

      Fica c/ Deus, amiga.

    • "Ser feliz é encontrar força no perdão, esperanças nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros. É agradecer a Deus a cada minuto pelo milagre da vida."
      --Fernando Pessoa--

      Mirian,
      Os medicos são instrumentos de Deus na medicina, eles tratam do corpo q e a moradia de uma alma de Deus, nunca deixe q ninguem tire suas esperanças e a faça sentir inutil, pq somente ELE pode dizer o qto podemos suportar...se vc e sua familia passam por este problema e pq ELE tem um proposito para vcs de amor, de união,de superação....qualquer situação e amenizada com carinho e amor.
      Q Deus esteja amparando vcs.
      Abraço de M. Suely e familia

  • Sonia,

    Primeiro quero elogiar a bela foto!

    01.gif

     

    Como a manifestação afetiva é algo que faz bem ao coração, não é?

    Amo essa foto, Sonia. Você sorrindo e Antonio Jorge beijando sua face

     

    SONIA

     

    Vania de Castro

    3 de julho de 2011

     

    Enquanto ele me beija

    O sorriso toma conta de mim

    sinto-me inteira

    querida e amada

    sinto-me gente

    feliz e contente.

    O sorriso vem lá bem de dentro do meu coração

    com emoção e prazer.

    No desejo de aproveitar cada segundo,

    Afinal, a vida é hoje,

    a vida é agora.

    Assim vivo,

    um segundo de cada vez.

    Minha família,

    minha crença em Deus.

    Meu refúgio e fortaleza.

    Vivo um segundo de cada vez.

     

    Querida Sonia,

    pra você!

    Com carinho,

    Vania

    (... fiquei inspirada! rs rs)

      

    • Querida Vânia:

      Obrigado pela linda homenagem. Vc é uma pessoa muito especial, carinhosa com todos dessa Comunidade.

      Bj.

      Sonia

  • A ansiedade, apreensão e MEDO deve ser os sentimentos q toda a familia e aqueles q amam um paciente sentem qdo e diagnosticado com uma doença tão cruel.

    Eu ainda estou nos primeiros passos desta  nova experiência, quero aprender a vê de outra maneira e controlar estes sentimentos que são fortes ainda na minha familia.

    Uma coisa e certa em Deus consigo consolo, mais tbém devo confessar que já cheguei a "vacila" na minha fé qdo procuro o "PORQUE" e ELE se cala.

    Vou aprendendo a cada dia, sou boa aluna, e preciso se boa professora para minhas filhas.

    E muito bom poder "conversar" com quem sabe o estamos sentindo/passando.

    Abraços a todos,

     

    • Querida Maria Suely,

       



      10.gif
       Às vezes, penso quantos obstáculos surgem em nosso caminho

      e quantas novas estradas se abrem para que possamos transitar com serenidade.

      Imagino e vejo as dificuldades das famílias e pessoas que estão com ELA.

      E, logo, me surpreendo ao ver a força e garra com que todos lutam em direção à vida.

      Talvez um jeito de lidar com o medo, a ansiedade, apreensão em relação ao desconhecido e todos os sentimentos provocados quando somos tomados por uma experiência de grave adoecimento seja não brigar ou não guerrear com os próprios sentimentos. Antes aceitá-los. Deixá-los vir. Tomar consciência que eles existem e estão dentro de cada um e surgem até quando não queremos. E me parece que é o caminho que você tem seguido ao confessar que já vacilou na fé. Somos humanos! Sofremos, caimos, levantamos e nos alegramos.

      Não negar o que estamos sentindo me parece um caminho que provoca menos sofrimento e dor. E, com isto não quero dizer que a pessoa deve se resignar diante da doença, não! a luta se mantém, mas sem falsas promessas e esperanças, com consciência dos fatos que estão acontecendo, no entanto com consciência que é possível criar novas possibilidades de viver.

       

      Beijos e abraços de amor.

      Vania

    • Querida  Suely:

      Esses sentimentos são comuns diante deste quadro, mas a medida que o tempo vai passando, nós começamos a

      conviver melhor com toda a situação.

      Suely, tenha certeza que vc irá conseguir superar todos esses sentimentos que ainda estão tão presentes na sua vida e na vida da sua família.

      Suely, Jesus nos fala que "nenhum fio de cabelo cai da vossa cabeça, sem que seja do conehecimento do vosso Pai". E se isso está acontecendo, Ele sabe o porque, e tambem sabe que vc é forte o bastante para suportar esta luta. Viva o dia que se chama hoje. "Basta a cada dia o seu mau". Pense no hoje, não pense no futuro. Deixe as coisas acontecerem, até porque a evolução da ELA é muito imprevisivel, e varia bastante de paciente para paciente. A mãe do meu esposo já tem a doença desde 1993, está com 80 anos, e vive muito bem. Quem pode entender os mistérios de Deus?

      Suely, vc pode contar comigo, e o pouco que tenho, posso dividir com vc.

      Meu tel é 24 33483994, fique a vontade para me ligar, caso vc queira.

      Bjs a toda família.

      Sonia

       

       

This reply was deleted.